Fatores de risco



Fatores de risco do cancro do endométrio

Um fator de risco significa que determinado agente ou caraterística expõem o individuo a determinada doença. Tal não significa que vá contrair a doença, mas que a probabilidade para que tal aconteça está aumentada.

Os principais fatores de risco associados ao cancro do endométrio relacionam-se com a exposição do endométrio à hormona estrogénio.

Menarca precoce e menopausa tardia

Menarca precoce e menopausa tardia. Quanto maior a duração da exposição a ambiente com estrogénios maior o risco de desenvolver cancro do endométrio, pelo que uma idade fértil alargada associa-se a um risco aumentado de desenvolvimento de cancro do endométrio.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Menarca precoce e menopausa tardia

Terapêutica hormonal de substituição

Terapêutica hormonal de substituição. Algumas mulheres fazem tratamento hormonal com estrogénio após a menopausa. Quando é administrado por um período de tempo considerável (alguns anos) é conveniente a associação de um progestagénio de forma a diminuir o risco de hiperplasia do endométrio e possível aparecimento de cancro.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Terapêutica hormonal de substituição

Nuliparidade

Nuliparidade. As mulheres que nunca engravidaram também apresentam um maior risco para desenvolver este tipo de cancro.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Nuliparidade

Uso de Tamoxifeno

Uso de Tamoxifeno. O tamoxifeno é utilizado no tratamento do cancro da mama hormono-dependente. Esta substância associa-se a aumento da proliferação da camada endometrial no útero – hiperplasia endometrial – potenciando o risco de desenvolvimento de cancro do endométrio.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Uso de Tamoxifeno

História Familiar

História Familiar. Cerca de 5% dos cancros do endométrio estão relacionados com alterações genéticas hereditárias. Nestes casos o cancro do endométrio desenvolve-se em idades mais jovens, habitualmente antes dos 50 anos de idade e associa-se a outros tipos de casos de cancro familiar como o cancro do intestino.

Fatores de risco do cancro do endométrio - História Familiar

Sindrome ovário poliquístico

Síndrome ovário poliquístico. Associa-se a a níveis hormonais anormais, nomeadamente níveis elevados de androgénios e de estrogénios e baixos de progesterona. O aumento relativo de estrogénio em relação ao da progesterona pode aumentar o risco de desenvolvimento de cancro do endométrio.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Síndrome ovário poliquístico

Diabetes

Diabetes. O cancro do endométrio ser mais comum em mulheres com diabetes, principalmente quando estas são obesas e fisicamente relativamente inactivas.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Diabetes

Aumento do endométrio

Aumento do endométrio. A hiperplasia endometrial consiste no aumento da espessura do útero, quase sempre acompanhada de alterações da estrutura celular do mesmo. As mulheres que manifestem hiperplasia endometrial apresentam um risco aumentado de desenvolver cancro do endométrio.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Hiperplasia endometrial

Idade avançada

Idade avançada. O risco de desenvolver cancro do endométrio aumenta sobretudo após os 55 anos de idade.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Idade avançada

Obesidade

Obesidade. A produção de estrogénios ocorre principalmente nos ovários mas, com o avançar da idade, os ovários cessam esta função de forma regular e o estrogênio armazenado no tecido adiposo do corpo é chamado à ação. As mulheres com mais tecido adiposo podem por isso apresentar um nível aumentado de estrogénios, principalmente em idades mais avançadas, o que aumenta o risco de cancro de endométrio.

Fatores de risco do cancro do endométrio - Obesidade

ref. (A70)

Este texto foi revisto e atualizado em julho de 2015‏‏.
Em caso de dúvida o seu médico e a restante equipa de saúde são uma fonte privilegiada para obter informações mais pormenorizadas e adaptadas à sua situação.
A informação disponibilizada pelo ONCO+ pretende ser abrangente, percetível, independente, correta e atualizada e não substitui a informação dos serviços oficiais de saúde.
Para sugestões, dúvidas, ou esclarecimentos adicionais contacte-nos em www.oncomais.pt ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. Ajude-nos a melhorar o seu ONCO+