Acompanhar consultas e tratamentos



Acompanhar consultas e tratamentos

É muito importante que o doente com cancro compareça acompanhado às consultas e aos tratamentos.

Nas consultas é transmitida informação importante e podem acontecer interpretações erradas por parte do doente, ou porque que não consegue compreender a informação transmitida, ou porque o seu estado psicológico não facilita a sua correta interpretação. Estas informações erradas podem piorar o estado psicológico do doente e prejudicar os tratamentos.

Além disso, nas consultas, ser-lhe-ão explicados uma série de cuidados que deve ter em casa em situações específicas, deve ouvir atentamente e tomar notas para que nada seja esquecido. 

Relativamente aos tratamentos é igualmente importante que um familiar ou amigo acompanhe o doente. Os doentes podem ficar com náuseas, vómitos e sentirem cansaço, por isso, não devem regressar a casa sozinhos. No entanto, cada caso é um caso, há doentes que se sentem bem após os tratamentos e preferem ter essa autonomia. 

Este texto foi revisto e atualizado em outubro de 2014‏‏.
Em caso de dúvida o seu médico e a restante equipa de saúde são uma fonte privilegiada para obter informações mais pormenorizadas e adaptadas à sua situação.
A informação disponibilizada pelo ONCO+ pretende ser abrangente, percetível, independente, correta e atualizada e não substitui a informação dos serviços oficiais de saúde.
Para sugestões, dúvidas, ou esclarecimentos adicionais contacte-nos em www.oncomais.pt ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. Ajude-nos a melhorar o seu ONCO+