Apoios ao familiar



Apoios ao familiar

Procurar ajuda, em algumas alturas, é tão útil para si como para o doente. Poderá adotar estratégias que o ajudem a aliviar a pressão, como dedicar-se a uma atividade que lhe dê prazer numa parte do dia, proporcionar momentos do dia em que esteja sozinho e tranquilo num ambiente que lhe seja agradável.

Este tipo de escapes são úteis mas podem não ser suficientes. Pode ter necessidade de conversar sobre questões que não fala com o doente ou com outros familiares como o medo da morte, as mudanças nas rotinas, as alterações de papéis familiares. Tudo isto são questões legítimas que profissionais competentes e especializados nesta área podem ajudar.

Este texto foi revisto e atualizado em outubro de 2014‏‏.
Em caso de dúvida o seu médico e a restante equipa de saúde são uma fonte privilegiada para obter informações mais pormenorizadas e adaptadas à sua situação.
A informação disponibilizada pelo ONCO+ pretende ser abrangente, percetível, independente, correta e atualizada e não substitui a informação dos serviços oficiais de saúde.
Para sugestões, dúvidas, ou esclarecimentos adicionais contacte-nos em www.oncomais.pt ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. Ajude-nos a melhorar o seu ONCO+